sábado, 16 de agosto de 2014

Ser Tia

Homenagem escrita pela minha irmã Gabi aos nossos amados sobrinhos Henrique e Alice.

Ser Tia, te faz pensar como é ser mãe, porém sem tantas responsabilidades.. é poder zoar, sem pensar se estamos educando certo, é ser mais livre para aprender e errar. É ver sua irmã carregando aquele pacotinho de gente e pensar que não deve ser tão difícil assim..até que você pede pra segurar e percebe que tem um mundo em seus braços, treme, mas tenta disfarçar, porque na verdade a gente só quer estar perto, bem perto.. Ser tia é ficar longe por um fim de semana e ter a sensação que eles já começaram a falar outra língua. É achar graça, deixar ele comer derrubando tudo ou pintar se sujando por inteiro, só pra rir. É planejar fazer aquele bolo, e dizer pra colocar só um pouquinho de farinha, e de repente cai meio kg dentro da vasilha..ai não tem o que fazer.. a não ser começar tudo de novo!! É ceder a aquele chocolate, é não resistir em dar colo, é trocar fralda sem nojo, conhecer amigos imaginários, passar noites em claro, se transformar em super-heróis, dormir em cabanas, dançar com ele sem ter vergonha.. é amar uma pessoinha que não é sua, mas a quem você pertence. Esses pequenos não fazem ideia do quanto nos fazem bem, do quanto nos fazem melhor, a partir da primeira vez que se viu.. ainda na maternidade.. Ser tia é ganhar um presente da sua irmã, e só ter que amar demais! É poder amar como uma mãe, guardar segredos como uma irmã, agir como uma amiga, amar como se fossem seus. Ser tia é não ter parte ruim..É um amor, que não se consegue colocar em palavras!